Leia online

Acesse o PDF

Sobre a revista

Anuncie na revista

29ª Edição

Novembro/2022

imprensa@fiesc.com.br

Carta do Presidente

A família ampliada da indústria: Confira artigo do presidente da FIESC, Mario Cezar de Aguiar.

Entrevista

Indústria deve ser um projeto de país: O Brasil liderou o crescimento mundial quando se industrializou, mas a economia está se primarizando e por isso perde relevância mundial, afirma Rafael Lucchesi, diretor da Confederação Nacional da Indústria. Para a retomada do desenvolvimento a passos largos a indústria deve voltar ao centro da agenda do País.

Indústria Náutica

Liderança sobre as águas: Sete em cada 10 embarcações de lazer produzidas no Brasil saem dos estaleiros de Santa Catarina, estado que responde por metade dos empregos do setor. Sucesso catarinense se deve a políticas públicas associadas à cultura fabril existente no Estado, o que consolidou uma cadeia produtiva que atrai cada vez mais investimentos.

Crédito

Com tecnologia sai mais barato: Fintechs avançam no mercado de concessão de crédito a pessoas jurídicas, tornando o processo muito mais ágil e simples. Em cenário de juros altos, plataformas como o FIESCMAIS, marketplace voltado à indústria, podem ser boas opções de financiamento para pequenas empresas.

Dossiê Infraestrutura

O caminhão acelerou a cabotagem: Navegação de cabotagem, realizada entre portos do mesmo país, avança em Santa Catarina graças à integração com o transporte terrestre realizado por caminhões nas pontas dos trajetos. Soluções integradas oferecidas por operadores atraem indústrias que obtêm custos menores para levar seus produtos às regiões Nordeste e Norte.

Gestão

O jeito certo de ser bem-sucedido: Empresas familiares são dominantes na indústria catarinense, por isso a sucessão bem feita para as novas gerações é vital para a competitividade do setor. Além de preparar os novos líderes e equilibrar os diversos interesses familiares, processos sucessórios têm desafio de apontar empresas para o futuro sem perder de vista os valores dos fundadores.

  • Estudos de alta performance: Academia FIESC de Negócios é a vertical de educação executiva idealizada para apoiar a reinvenção e a transformação da indústria catarinense.

Perfil

O modernizador de fábricas: Claudimar Bortolin estudou Tornearia no SENAI, cursou o secundário e foi garçom em São Miguel do Oeste, tudo ao mesmo tempo. Quando se formou ganhou um carro do pai, trocou por um torno mecânico e fundou a Torfresma Industrial, empresa que já projetou e instalou mais de mil linhas industriais em todo o mundo.

Inovação

Correção de rota para chegar mais rápido: A Librelato iniciou internamente um projeto de Pesquisa & Desenvolvimento para gerar um sistema avançado de telemetria para implementos rodoviários, seu principal produto. Mas o negócio só ganhou corpo quando uma startup foi criada e o projeto saiu da empresa, com o apoio do Instituto SENAI de Inovação.

Negócios

O gasosão que resiste ao tempo: Fabricantes regionais de refrigerantes, com marcas pitorescas e público fiel, são queridos por todo o Brasil. Um dos mais ilustres representantes deste segmento em Santa Catarina é a Pureza, de Rancho Queimado, fundada em 1905 e ainda sob controle da família do fundador.

Artigo

Protagonistas da nova revolução industrial: Alex Marson, CEO e conselheiro da holding Christal e colíder da Filial Santa Catarina do Instituto Capitalismo Consciente Brasil.